sexta-feira, 18 de março de 2016

SAÚDE - Dengue já é quase 50% maior que em mesmo período de 2015

  Aedes aegypti, mosquito transmissor de zika, dengue, chikungunya e febre amarela, é visto sobre pele  humana em laboratório  (Foto: Luis Robayo/AFP)
O Brasil já registrou 495.266 casos de dengue em 2016 até o início de março, o que representa um aumento de quase 50% em relação ao número de casos registrados no mesmo período de 2015, ano que teve a maior epidemia de dengue da história.

O dado foi anunciado nesta sexta-feira (18) pelo diretor do Departamento de Vigilância de Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde, Cláudio Maierovitch, durante evento no Instituto de Infectologia Emilio Ribas, em São Paulo.

Maierovitch manifestou preocupação com a frequência de grandes epidemias observada nos últimos anos. "No ano passado, tivemos a maior epidemia de dengue da nossa história. Nós tínhamos tido, antes desta, a maior epidemia em 2013. Temos ficado espantados com o aumento da frequência das grandes epidemias."

Ele acrescentou que, ao longo dos 30 anos em que a dengue é endêmica no Brasil, uma grande epidemia era, em geral, seguida por um período de maior tranquilidade, o que não vem acontecendo nesta década.

Segundo o especialista, Minas Gerais é o estado com maior número de casos de dengue este ano, seguido por São Paulo. "Minas Gerais é o estado que, aparentemente, vai dar muito trabalho este ano em relação à dengue."

O boletim epidemiológico mais recente divulgado pelo Ministério da Saúde no início de março falava em 170.103 casos até 6 de fevereiro. Ou seja: foram 325.163 novas notificações em um período de cerca de um mês.
[ Bem Estar ]

Curta nossa Fanpage!

BORRAZÓPOLIS ONLINE™ 2015 - Todos os direitos reservados. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.