quarta-feira, 12 de março de 2014

SAÚDE - Paraná utiliza serviço de telemarketing para reforçar o combate à dengue

O Governo do Paraná passou a utilizar a Central de Relacionamento no combate à dengue. A prioridade é atingir a população dos cincos municípios que hoje já se encontram em situação de epidemia e, em ordem crescente de incidência, as demais localidades. O trabalho consiste em orientar o cidadão durante uma ligação telefônica, feita para a residência a partir da própria Central de Relacionamento, que funciona de segunda a sábado das 9h às 21h. Nela, informações básicas de combate e prevenção são repassadas com caráter informativo e educativo. 

Os meses de fevereiro e março foram escolhidos por serem bastante favoráveis para o desenvolvimento e aplicação do novo serviço, principalmente pelas altas temperaturas e pelo volume de chuva que aumenta de forma considerável nessa época do ano. De acordo a coordenadora da Central de Relacionamento, Elisângela Rocha, o resultado está sendo positivo, uma vez que a maior parte dos cidadãos é receptiva e deseja entender mais sobre o assunto. 

No primeiro mês foram realizados 2.660 telefonemas, dos quais 2.187 foram ouvidos até o fim. Já no segundo mês, em apenas 11 dias, 3.123 residências já receberam o contato, sendo que 2.664 mostraram-se bastante interessadas. “É fácil perceber o desejo que as pessoas têm em cooperar. Telefonamos. Elas então relatam casos e dizem que querem aprender a como cuidar das suas casas”, explica Elisângela. 



INSTRUÇÃO E SEGURANÇA - Segundo o superintendente de Vigilância em Saúde, Sezifredo Paz, instruir os cidadãos ainda é a melhor maneira para mantê-los seguros. “É preciso que cada um faça a sua parte, pois é dentro de casa e nos quintais que o Aedes aegypti encontra locais para reprodução, como recipientes que acumulam água e transformam-se em criadouros”, afirma Sezifredo. Os esforços do governo estadual também estão concentrados na capacitação dos profissionais que atuam no enfrentamento da dengue. Atualmente, o Estado conta com 3,7 mil Agentes de Combate às Endemias municipais, devidamente capacitados e aptos a prestar serviços em relação à dengue. 

NÚMEROS – De agosto de 2013 até esta terça-feira (11) 2.477 casos de dengue já foram confirmados no Paraná. Sete deles apresentaram quadros clínicos mais graves e um morreu em decorrência da doença. Além disso, 15 pessoas tiveram dengue com sinais de alarme. 

[ Agência de Notícias do PR ]

Siga nossa página no Facebook

BORRAZÓPOLIS ONLINE - Todos os direitos reservados. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.