segunda-feira, 3 de março de 2014

KALORÉ - "Quadrilha da Dinamite" volta a agir

Num ação ousada bandidos explodiram dois bancos e até a prefeitura municipal onde fica uma caixa eletrônico do Banco do Brasil foi alvo da quadrilha
Por volta das 3 horas da madrugada desta segunda-feira, 03 de março, a famosa “Quadrilha da Dinamite”, que na verdade são várias, voltou a agir na cidade de Kaloré. A cidade acordou com três estrondos que foram simultâneos. Como medo e assustados, moradores foram saindo de casa, e perceberam que os marginais encapuzados havia explodido os caixas eletrônicos da Cooperativa de Crédito Sicredi, que é a maior agência do município. Toda instalação ficou comprometida, inclusive a forração veio abaixo. Na Prefeitura, a destruição também foi grande; para explodir uma caixa eletrônico do Banco do Brasil, eles danificaram toda parte da frente do prédio; inclusive algumas salas do paço municipal ficaram todas reviradas por causa do impacto. E por fim, o posto avançado do Bradesco, que também não sobrou nada. Localizado na avenida principal, um pedaço do caixa eletrônico de mais ou menos 5 quilos, foi encontrado do outro lado da Rua. Uma senhora que mora próximo ao Sicredi, disse que acordou e saiu correndo para o portão, quando viu carros pretos e bandidos armados; ela então gritou o marido, e quando ele também saiu na frente da casa para observar, um tiro foi disparado pela quadrilha e atingiu o muro da residência, próximo a cabeça de seu esposo. Um rapaz de nome Valdir Batista, disse que passava com um gol pelo local, quando foi advertido pelos bandidos para que pegasse outra rua e saísse do local. Ele disse ter visto quatro meliantes com espingardas calibre 12 e metralhadoras. Após juntar o dinheiro, o bando fugiu sentido Jandaia do Sul. Foram vistos uma Zafira de cor preta, e uma celta prata. Na cidade havia apenas uma policial de plantão com uma viatura Parati antiga, e ele ficou praticamente impedido de realizar alguma ação, a não ser pedir reforço e se proteger. Quando as viaturas chegaram de destacamentos de toda região, a quadrilha já tinha deixando a cidade, até porque a ação demorou poucos minutos. No local, o repórter Ronaldo A. Senes, o “Berimbau”, colheu depoimentos de pessoas assustadas e ouviu policiais que tomavam as primeiras providências para organizar a bagunça deixando pelo bando.

[ Fotos de Ronaldo Alves Senes, o Berimbau ]

 (FOTO  ACIMA)  Pedaço do caixa do Bradesco encontrado do outro lado da Rua 
 (FOTO  ACIMA) Esta é uma sala da prefeitura que ficou totalmente revirada
 (FOTO  ACIMA)   Porta da prefeitura danificada 
 (FOTO  ACIMA)  Imagens de como ficou o prédio do Bradesco 
 (FOTO  ACIMA)  Imagens de como ficou o prédio do Bradesco
 (FOTO  ACIMA)  Imagens de como ficou o prédio do Bradesco
 (FOTO ACIMA)  Imagem do prédio da prefeitura
(FOTO ACIMA)  Imagens do Sicredi 

Siga nossa página no Facebook

BORRAZÓPOLIS ONLINE - Todos os direitos reservados. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.