quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

ESPORTE - Fifa confirma Arena da Baixada como sede da Copa do Mundo

A Arena da Baixada e a cidade de Curitiba (PR) escaparam do vexame de ficar fora da Copa do Mundo. Nesta terça-feira (18), o secretário-geral da Fifa, Jerôme Valcke, usou o Twitter oficial da entidade para garantir a capital paranaense como uma das 12 sedes do mundial, antes mesmo da entrevista coletiva no workshop de seleções, em Florianópolis (SC).

Pouco menos de um mês após exigir o aceleramento da obra, Valcke se mostrou satisfeito com os resultados e com as garantias de que o Governo do Paraná irá ajudar na montagem das estruturas móveis do estádio. 
— Curitiba reconfirmada como sede da #Copa2014, com base nas garantias financeiras, compromisso de todas as partes e progresso feito. Será uma corrida apertada contra o tempo e o esforço coletivo de todas as partes envolvidas em Curitiba deve continuar em ritmo forte.
Já durante a entrevista coletiva em Florianópolis, Jerôme Valcke voltou a criticar a demora da organização paranaense, mas confirmou a Arena como sede. 
— Curitiba permanece como sede. Curitiba está atrasada, a questão é essa. Na última semana trabalhou duro, com afinco, com representantes do COL e da Fifa, trabalhamos juntos, o prefeito, o governador, para ajudar o presidente do Atlético-PR. O prazo de entrega não será amanhã, e sim dia 15 de maio. Vamos checar as outras instalações, para saber se estará tudo pronto, haverá testes nesse período. Gostaria de dizer que trabalhamos bem, não tem nenhuma outra decisão que possamos fazer, e vamos manter Curitiba na lista. Curitiba entendeu a informação e a pressão que colocamos, e a palavra de Curitiba nos deu confiança para mantê-la na lista das sedes da Copa do Mundo. 
A Arena da Baixada deveria ter sido entregue em dezembro do ano passado, mas suas obras estavam bastante atrasadas. Após aumentar em 40% o número de operários e adicionar um terceiro turno de trabalho, o Atlético-PR conseguiu chegar ao nível exigido pela Fifa, mas havia ainda um entrave financeiro. 
No entanto, nesta tarde as autoridades locais anunciaram a viabilização de um empréstimo de R$ 65 milhões, via BNDES, e convenceram a Fifa de que teriam condições de entregar a Arena a tempo.
[ R7 ]

Siga nossa página no Facebook

BORRAZÓPOLIS ONLINE - Todos os direitos reservados. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.