segunda-feira, 20 de março de 2000

Coxinha gigante vira sucesso de vendas no norte do Paraná - MATÉRIA COMPLETA


Salgado de Rolândia foi premiado pelo RankBrasil com peso de 3,5kg. Com recheio de frango, calabresa e bacon, salgado foi comido por 20 pessoas.

Salgado pesou 3,5kg, sendo a massa de mandioca de 1,3 kg e o recheio, 2,2 kg, contendo frango, bacon, calabresa e tempero com muitas ervas (Foto: Divulgação)

Os lanches da tarde dos moradores de Rolândia, no norte do Paraná, ficaram mais bem servidos desde que a cozinheira Maria Aparecida da Silva resolveu inovar. Cida, como é mais conhecida na cidade, criou uma coxinha gigante, de 3,5 kg, que foi premiada pelo RankBrasil como a maior já produzida no país, mais de 15 vezes maior do que o tamanho convencional, que é de 220 gramas. O sucesso foi tanto que as encomendas não param de chegar à lanchonete onde Cida trabalha.

“Tem que ter todos os dias, porque as pessoas sempre querem. Quando não faço o pessoal fica bravo”, contou a cozinheira ao G1. Cida não reclama da cobrança, afinal, trabalha há 30 anos fazendo coxinhas e garante que ainda não enjoou do ofício (nem do salgado). “Não tem dificuldade nenhuma para fazer, de 15 a 20 minutos fica pronta e a maior dificuldade fica na hora de fritar”, explica Cida, que teve a ideia após ver um pastel gigante na televisão.
Maria Aparecida da Silva exibe a coxinha gigante, comparando com uma de tamanho normal, que tem aproximadamente 220 gramas (Foto: Divulgação)Maria Aparecida da Silva exibe a coxinha gigante, comparando com uma de tamanho normal, que tem aproximadamente 220 gramas (Foto: Divulgação)
A dificuldade está justamente no peso do salgado, que foi feito com 1,3 kg de massa de mandioca e 2,2 kg de recheio de frango, calabresa, bacon e tempero com ervas. A escolha do recheio é fundamental para que a consistência da coxinha fique boa. “Eu não aconselho muito colocar queijo, porque daí ele não derrete totalmente, só em volta”, justificou. A decisão final, contudo, fica sempre ao gosto do cliente.
Isso porque a lanchonete onde Cida trabalha começou a aceitar encomendas da coxinha gigante, e, desde então, o trabalho tem sido constante. De acordo com a cozinheira, clientes de cidades como Maringá, Londrina, e até mesmo do Rio de Janeiro já foram até a lanchonete conhecer o lanche, que custa R$ 15 por quilo. Questionada sobre a quantidade de pessoas que uma coxinha gigante alimenta, Cida diz que depende da fome de cada um. “Mas essa do recorde foi dividida entre 20 pessoas”, lembra.
Cida garante que não é apenas o tamanho da coxinha que atrai o público, mas também a qualidade, fruto dos anos de prática. “Ela fica bem gostosa, não fica encharcada. O pessoal pergunta se não fica encharcada de gordura, mas não fica porque a farinha usada é mínima, eu uso quase 99% de mandioca”, explica, com a autoridade de quem já traça planos, literalmente, maiores. “A intenção agora é chegar a uma coxinha de 10 kg e em breve vou conseguir”, planeja.
[ G1 ]

Siga nossa página no Facebook

BORRAZÓPOLIS ONLINE - Todos os direitos reservados. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.